A Poupança da Caixa Econômica Federal é uma das aplicações mais tradicionais do país. São mais de cento e quarenta anos de atividade no mercado. A remuneração da poupança é a mesma de todas, meio por cento ao mês além da Taxa Referencial que é definida pelo Banco Central diariamente. Para quem é correntista, a Caixa disponibiliza a Poupança Programada Caixa, que define o dia do mês e o valor da aplicação mensal.

Na data que foi escolhido, o dinheiro é transferido da conta corrente para a conta poupança. O serviço está disponíveis nos canais de auto-atendimento e na internet. Não há limite mínimo para aplicação inicial, não há limite máximo para aplicação, não há taxa de administração, não há resgate mínimo, não há incidência de IR e IOF e o saldo mínimo da conta é de apenas um centavo. O investimento é seguro, tem história, está em atividade desde vinte e dois de agosto de mil oitocentos e sessenta e um. É prático, não há limites de valores e é possível fazer depósitos em qualquer dia do mês. As movimentações da poupança podem ser controladas através de celular e internet.

Para abrir uma conta poupança da Caixa é simples. É preciso ir até uma agência e apresentar cópia e origina dos seguintes documentos: CPF, documento de identidade e comprovante de residência – que precisa ser atual, com no máximo noventa dias (três meses). Mais informações sobre a poupança podem ser obtidas através do SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente) da Caixa.